sábado, janeiro 14, 2006

eu,tu,ele,nós,vós,eles



Afundo o branco no negro que em linhas por mim chama.
Apenas sons que desconheço, passos que almejo inventar.
Talvez para ficar, talvez para ser sem doer.
Soltas, inacabadas, da loucura procuradas.
Vazias estas mãos que não sabem de onde são. A mim não pertencem!
Ao mundo, jogo infantil ainda vão tecer até poder perceber…

Nada
Vazio
Gotas caindo
E eu partindo!

1 Comments:

Blogger Susana said...

"(...)
Nada
Vazio
Gotas caindo
E eu partindo!
(...)"

Adorei, pela simplicidade e por tudo o que se lê nas entrelinhas e a imagem, não podia estar mias de acordo com o que escreveste.. Beijinho, grande..
Tenho de te escrever, tenho coisas boas para te contar.. ;)

11:52 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home